Na presença do Pai

Texto: Mateus 14:22-36

 

Nesta semana trataremos da necessidade de termos nosso tempo devocional diário. Nosso tempo de oração e de leitura e meditação na palavra quando falamos com nosso Pai e ouvimos a sua voz através da Palavra e do Espirito Santo que habita em nós

 

O texto é longo e bonito mas vamos nos concentrar apenas nos vs 22 e 23. O ambiente estava tenso e conturbado para Jesus. Muita gente queria suas curas e milagres.  Jesus toma então duas atitudes: 1- Envia os discípulos para longe através de barcos: 2- Retira-se para a montanha a fim de ter tempo de oração.  Nesta edificação não se preocupem com o resto da história que trata da caminhada sobre as aguas. Isso fica para outro dia. Concentrem-se no exemplo de Jesus de ter tempo com o Pai.

 

Você que facilitará a edificação de hoje, lembre-se que no início deste período (1ª pergunta) o objetivo é ajudar as pessoas a “ entrarem”  no texto de forma pratica e simples.   Vamos lá então….

  • O Vs 22 inicia com a expressão “ logo em seguida”. Jesus havia acabado de multiplicar pães e peixes para cerca de 10 mil pessoas. O povo estava alvoroçado. Recontem este dia de Jesus
  • Vs 23 diz que Jesus ficou orando sozinho. Você se lembra de outro momento que Jesus orou sozinho? Por que Jesus precisava ficar sozinho?
  • Temos o desafio de manter nosso tempo de oração e meditação na Palavra diariamente. Quais são as suas dificuldades para ter frequência e regularidade?
  • O que você pode fazer esta semana e na próxima para conseguir este alvo?

 

Orem uns pelos outros para se apoiarem nesta jornada diária de comunhão com o Pai.

 

Orem no final no 4º E pelos amigos não convertidos    Alistem nomes e intercedam